segunda-feira, 6 de dezembro de 2021

Números da semana (50)

5

Everton lidera o ranking das assistências para golo na presente temporada, seguido por Pizzi, Rafa e Weigl, com 4. Ao fim de um terço da segunda temporada no Benfica, é o 13º com mais assistências nas últimas 10 temporadas (desde 2012/13), com 15;

6

Sócios integrantes na Comissão de Estatutos, representando sensibilidades diferentes no Clube. A Direcção do Sport Lisboa e Benfica está de parabéns por esta iniciativa e pela forma como a tem conduzido;

9

Rafa voltou à frente da “corrida” dos goleadores benfiquistas na presente temporada. Leva 9, igualando já o seu 3º melhor desempenho (2020/21) neste capítulo numa época desde que chegou ao Benfica. Totaliza 55 “golos oficiais” de águia ao peito, a marca atingida por Jesus Crespo, o 41º no ranking;

70

Seferovic chegou aos 70 golos “oficiais” (1 de penálti) pelo Benfica. É o 34º a fazê-lo, o último havia sido Pizzi, que totaliza 93, no jogo com o Shakhtar (3-3), em 2020, para a Liga Europa. Seferovic igualou os 70 de Lima (14 de penálti), com mais 30 jogos, mas consegui-o ao fim de 10486 minutos de utilização, enquanto o brasileiro precisou de 11128 minutos (inclui tempos adicionais);

293

André Almeida passou a ser, a par de Cardozo, o 31º com mais “jogos oficiais” pela equipa de honra do Benfica;

 

400

Jorge Jesus completou, com o Paços de Ferreira, 400 jogos “oficiais” na liderança do banco benfiquista. 277 vitórias, 62 empates e 61 derrotas. Os 69,25% de vitórias são superados por 11 treinadores, o mais recente Fernando Cabrita (61 jogos), que comandou a equipa, pela última vez, em 1973/74. Entre os treinadores com mais de 75 jogos, apenas Hagan (77,78%), Riera (75,51%), Biri (70,66%) e Guttmann (69,75%) alcançaram melhor percentagem de triunfos.

Jornal O Benfica - 26/11/2021

Sem comentários:

Enviar um comentário

"Veia" exportadora

Crónica publicada no  Dinheiro Vivo . Também publicada, em papel, no suplemento que acompanha as edições do Diário de Notícias e Jornal de N...