quinta-feira, 4 de março de 2021

Números da semana (11)

0

Continua a saga das grandes penalidades sonegadas ao Benfica na presente edição da Liga NOS. É preciso recuar a 1945/46 (se não me escapou algum castigo máximo nessa época) para encontrarmos uma temporada em que o Benfica não teve qualquer penálti assinalado a seu favor nas 19 primeiras jornadas;

2

E só em Moreira de Cónegos foram dois os lances passíveis de penálti na área do nosso adversário. Desconheço o que é necessário para averbar uma grande penalidade a favor do Benfica nesta época, mas tendo em conta o desafio frente ao Moreirense, já sabemos que uma bofetada e um toque faltoso no pé esquerdo não são suficientes;

6

E com tudo isto são seis os pontos, só nas últimas cinco jornadas, que poderíamos ter somado mais, não fossem os erros gritantes de arbitragem. Teria a equipa feito melhores exibições caso tivesse beneficiado, como deveria, desses penáltis e os tivesse convertido? Não sei, mas estaria melhor classificada, disso não há dúvida. E nem teria sido necessária boa vontade dos árbitros, bastaria a aplicação de critérios semelhantes em algumas das grandes penalidades atribuídas a Porto e Sporting;

13

Pontos que nos separam da liderança, algo que seria inimaginável ao fim das primeiras cinco jornadas, em que atingimos o pleno de triunfos. O calendário sobrecarregado, a Covid e as arbitragens desastrosas ajudam a explicar este percurso, mas há também que melhorar o nível exibicional da equipa e, sobretudo, a eficácia diante da baliza;

55

Com os dois golos marcados esta semana, Seferovic atingiu a marca dos 55 golos e igualou o pecúlio obtido por Jesus Crespo, o 40º melhor marcador do Benfica em competições oficiais;

*Não inclui o Benfica – Arsenal.

Jornal O Benfica - 19/2/2021

Sem comentários:

Publicar um comentário

Fantástico voleibol

Honra a quem a merece: a nossa equipa de voleibol é extraordinária e revalidou o título nacional com enorme mérito e maior competência. Cili...