terça-feira, 6 de abril de 2021

Sr. Albano

Se não viu a reportagem especial intitulada “Amor à Camisola”, transmitida pela BTV esta semana, faça-se um favor e veja. É, de facto, imperdível.

Ao longo de uma hora ficamos a conhecer tudo o que envolve a preparação de um jogo no que toca à esfera dos equipamentos e percebemos de forma cristalina a importância dos técnicos de equipamento para o espírito do grupo.

Devido ao cargo de dirigente do meu pai, fui um privilegiado pois cresci no seio da fabulosa equipa de basquetebol do Benfica nos anos 90. Vi todos os jogos na Luz e acompanhei a equipa em inúmeras deslocações. Fui muitas vezes questionado por amigos sobre jogadores e treinadores, mas nunca sobre técnicos de equipamento (ou fisioterapeutas).

Na altura, o roupeiro era o Sr. Albano. Talvez ainda se lembrem dele. Era um homem baixo e franzino, bem mais velho que os jogadores, sempre presente no banco benfiquista, responsável pelas águas e toalhas, além da limpeza do piso de jogo quando necessário.

Mas não imaginam o trabalho diário e, sobretudo, a relação de proximidade que tinha com os jogadores, os quais, independentemente do reconhecimento prestado pelos adeptos, todos o tratavam com enorme respeito. Por exemplo, a ninguém, sem excepção, era permitida a entrada na rouparia sem a devida autorização do Sr. Albano. Este, por sua vez, zelava por que nada faltasse aos jogadores – à primeira vista era escravo deles – mas estes, por sua vez, tratavam-no com uma reverência imperceptível, não obstante as costumeiras brincadeiras restritas a limites tácitos.

Obrigado BTV por esta homenagem. É um serviço ao Benfica (ao desporto) que os adeptos tenham oportunidade de perceber a relevância destas pessoas no sucesso das equipas.

Jornal O Benfica - 2/4/2021

Sem comentários:

Publicar um comentário

Fantástico voleibol

Honra a quem a merece: a nossa equipa de voleibol é extraordinária e revalidou o título nacional com enorme mérito e maior competência. Cili...